Missões 2020

Maria Cleonice, , é avó da candidata potiguar, que mal saíra da chupeta quando começou a carreira . Mostra duas fotos da neta de cinco anos: ela fantasiada de Frida Kahlo, num duelo em que ganhou como Miss Simpatia, e comemorando três anos com festa da Barbie, seu ideal de beleza.

Maria, que na mocidade também competiu fui Rainha Industriária , conta que passou um pito na maquiadora oficial do concurso. A mulher, diz, recebeu dela R$ para pintar a neta nos três dias de evento. Na primeira noite, colocou cílios postiços na menina. Aqui ela tá criança, ali, miniadulta , diz a avó, exibindo fotos do antes e depois.

As derrotas nem sempre são bem digeridas em Natal. Mãe de uma candidata que saiu de mãos abanando, Ana Paula, , reclamava nos bastidores que o saiote do vestido da menina sumiu e que ela pagaria R$ . se não o achasse, já que o traje era alugado um vps windows.

Puxa de canto o produtor artístico do campeonato, Marcelo de Oliveira, , que encorajava as concorrentes a pedir dinheiro ao Papai Noel já pensando na inscrição para .

Ana critica o jeito seco, frio de anunciar as vencedoras. Por que não dizer as três melhores colocadas? Isso desincentiva a criançada, diz. Não precisa de coroa, só faixinha.